It Moms

Feliz dia das mães…hoje também!

Festa

Feliz dia das mães hoje também. Aliás, especialmente hoje, segunda-feira, dia de voltar para a rotina de acordar quase de madrugada. Feliz dia das mães pra você que precisa enfrentar aquela luta TO-DOS-OS-DI-AS para o cabelo ser (minimamente) penteado. Feliz dia das mães pra você que precisa achar a “meia azul que tem aquele negocinho branco e prata desenhadinho” cinco minutos antes de sair de casa porque não serve qualquer meia, tem que ser AQUELA meia. Feliz dia das mães pra quem oferece jantar trezentas vezes e aí, 21h30, quando você está pensando em dormir, vem a fatídica frase: “Acho que agora aceito jantar”. E toca descer até a cozinha e ligar o fogão. Feliz dia das mães pra quem limpou (e lavou três vezes) o edredom que foi vomitado às 22h. E depois limpou (e lavou, de novo três vezes) outro cobertor porque ele (também) foi vomitado às 23h. E depois limpou outro jogo de lençol (porque acabaram os cobertores e edredons de tema infantil) porque ele (também) foi vomitado às 24h. Feliz dia das mães pra você que já fez maquete de escola. Pra você que já fez fantoche de meia (e ficou horroroso). Pra você que já procurou a biografia da Kéfera. Que já teve que ajudar a escrever um diário. Pra você que já foi em apresentação de ballet, de flauta, de abertura de olimpíadas da escola (que no caso era do time azul, motivo da foto aí de cima).

Feliz dia das mães pra quem já passou noites em claro por conta de tosse. Pra quem já foi ao Pronto Socorro morrendo de preocupação por conta de febre. E de dor de garganta. E de dor de barriga. Feliz dia das mães pra você que foi ao Pronto Socorro porque sua criaturinha disse que havia sido picada por uma abelha (o que era plausível, visto que a mão estava inteirinha vermelha) e descobriu lá que a abelha era imaginária e na verdade o vermelho era de tanto ter saído da piscina (sim, isso aconteceu de verdade), o que resultou em um mico médico jamais passado. Feliz dia das mães pra quem já teve que tomar remédio antes de dar pro filho, só pra ele ver que era algo “tomável”. Feliz dia das mães pra quem achou o remédio horroroso, mas disse que “nem era tãããããããããão ruim assim” pra criança não ter medo.

Feliz dia das mães pra você que se culpa sempre, todos os dias, por não ser uma mãe perfeita. Pra você que já chorou no banho, na cozinha, dentro da dispensa (sério, melhor cena de Sex And The City para quem tem filhos…a gente se identifica), no travesseiro à noite. Feliz dia das mães pra quem já perdeu a festa de dia das mães na escola (mais de uma vez, no caso).

Feliz dia das mães pra você que se pergunta diariamente “O que foi que eu fiz???”. Pra você que já teve vontade de esganar uma criança por conta de um danoninho. Pra você que já se perguntou porque não adotou mais um cachorro ao invés de ter uma crianças. Ou mais de uma.

Feliz dia das mães pra você que me entende. Que sabe que todas as linhas daqui de cima são grandes verdades. Pra você que sabe que a maternidade é uma dor e uma delícia. Que é uma ambiguidade de sentimentos. Pra você que vê seu coração bater em outro peito. Pra você que daria a vida por uma pessoa que algumas (muitas) vezes faz seu sangue ferver.

Feliz dia das mães pra você que é mãe, que é pai mas que faz papel de mãe, pra você que é avó mas é mãe, que é avô mas é mãe, pra você que é mãe de alma, mãe de barriga, mãe do coração…mas que é mãe.

O dia das mães não é domingo. O dia das mães acontece todos os dias. Especialmente naqueles em que venço o cabelo desembaraçado da Madu…

Um beijo,

Tati

Tags : it momsMadumaternidadeser mãeTati Fantivida real
Tatiana Fanti

The author Tatiana Fanti

Leave a Response