Eventos

ORQUESTRA JABAQUARA LANÇA CLIPE DO SINGLE LADO ANIMAL

Com autoria de Marisa Orth, Xuxa Levy e Natália Barros, a música faz uma crítica a configuração da sociedade com um humor gentil

link do clipe:

A Orquestra Jabaquara estreia o seu novo clipe Lado Animal em grande estilo. Gravado em São Paulo, o videoclipe impressiona pelos efeitos gráficos, captados a partir de fotos reais e, todo o trabalho criado em um cenário virtual, ganhando forma na sala de edição. A música tem participação especial de Marisa Orth, também presente no disco da Jabaquara.

O novo single é uma amostra do primeiro álbum da Orquestra Jabaquara que sai em breve. A música é um pop estilo comédia-rasgada ou pastelão, inspirado nas chanchadas e na tropicalidade oitentista.

Dirigido por Drô e Carol Shimeje, o clipe traz ainda,  os músicos da banda e o maestro Xuxa Levy em diversas cenas, acompanhados de um turbilhão de imagens clichês, associadas ao filtro do politicamente incorreto.

Sobre a Orquestra Jabaquara:

Formada por 12 músicos regidos pelo maestro e produtor musical Xuxa Levy, a Jabaquara é fruto de um sonho antigo. Nesse projeto, Xuxa cria uma orquestra pop nos moldes das big bands de Duke Ellington, Quincy Jones, The Brian Setzer Orchestra, Spok Frevo Orquestra e – sua inspiração maior – a Orquestra Tabajara, criada pelo maestro Severino Araújo em 1934, na Paraíba.

Com duas crooners, uma percussionista, dois trompetista, três saxofonista, um trombonista, um contrabaixista, um guitarrista, um baterista e um pequeno arsenal eletrônico de sintetizadores e samplers, a banda dançante paulistana lança seu disco de estreia, o homônimo Orquestra Jabaquara.

O primeiro trabalho do grupo conta com convidados especiais e parcerias inusitadas, como Roberta Estrela D’Alva, na músicaGarganta, Lucas Santtana, em A Gente Sabe, Marisa Orth, na faixa Lado Animal, e André Abujamra, na Ja Ba Qua Ra.

Como surgiu a Orquestra Jabaquara?

Em uma despretensiosa postagem no Facebook, a vontade, quase utópica, do maestro Xuxa Levy de formar uma big band – do nada e sem grana – virou um post que “bombou”.

Junto com grandes músicos surgiu uma temporada no Centro Cultural Rio Verde, na Vila Madalena, em São Paulo. Com uma alcunha indígena nasceu a Orquestra Jabaquara. Nos palcos paulistanos desde 2018 esse projeto fez o público se jogar no mambo.

“Em 2019 a orquestra estreia nas plataformas digitais com o disco Orquestra Jabaquara, um verdadeiro desbunde aos ouvidos, por um lado, e um tiro na garganta, aos conservadores de plantão”, conta Xuxa Levy.

Bruna Munhoz

The author Bruna Munhoz

Leave a Response