Gastronomia

Gastronomia

Reeducação alimentar: saiba como tornar esse processo mais simples

reeducacao-alimentar

Nutricionista da Dietbox dá dicas para ter uma vida mais saudável sem sofrimento

Realizar uma reeducação alimentar nem sempre é um processo fácil, mas pode trazer inúmeros benefícios – principalmente a garantia de uma vida saudável a longo prazo. Atualmente, o consumidor tem à sua disposição uma variedade grande de alimentos não-saudáveis, em sua maioria industrializados, que funcionam como alternativas na correria do dia a dia ou na hora de realizar refeições fora de casa. Mas não é por isso que um processo de reeducação alimentar precisa ser sofrido ou difícil, como muitos pensam. Com isso em mente, Luiza Ferracini, nutricionista do Dietbox, empresa responsável pelo software de nutrição mais utilizado no Brasil, trouxe algumas dicas para quem procura entender como transformar a reeducação alimentar em algo mais tranquilo.

Quando se trata de ter uma dieta balanceada, é imprescindível reduzir a quantidade de alimentos industrializados. “Além de fazerem mal, diminui-los na rotina faz com que alimentos benéficos para a saúde sejam ainda mais saborosos, uma vez que o paciente passa a prestar atenção no gosto do que chamamos de comida de verdade”, comenta Luiza.

Realizar trocas inteligentes, como substituir alimentos refinados por integrais também é uma dica importante. “O ideal é lembrar sempre que será necessário ter uma boa preparação mental, pensando sempre na qualidade do alimento e o bem que ele fará para o organismo como um todo”, acrescenta a especialista.

Outro fator importante é ter uma boa rotina, por exemplo, manter-se bem hidratado (recomendável 2 litros de água por dia), fazer exercício físico regularmente e mastigar bem a comida, dando tempo para o sistema nervoso captar a neurotransmissão que indica saciedade, são alguns hábitos que podem auxiliar na hora da mudança do mindset. “A combinação de diferentes práticas saudáveis, em detrimento de uma única mudança na rotina, leva a resultados mais rápidos e visíveis, o que incentiva o paciente a continuar buscando por seu objetivo de levar uma vida mais saudável a longo prazo”, explica.

A especialista ressalta, ainda, que o mais importante em todo o processo é ter o acompanhamento de um profissional qualificado. “É essencial ter um nutricionista de confiança, pois ajuda a organizar a rotina, garantindo que o paciente tenha o tempo necessário para a readequação do seu paladar evitando que haja uma possível deficiência de nutrientes, por exemplo”.

É fundamental destacar que não há necessidade de abrir mão de todo tipo de alimento, desde que as escolhas sejam feitas de forma inteligente, sem abusos e com moderação.

Leia mais
Gastronomia

Tortinha de Maçã e Banana com doce de leite

TORTINHA DE MAÇÃ E BANANA COM DOCE DE LEITE

Receita preparada pela Chef Lidiane Barbosa

Ingredientes da massa:
1 banana
1 xícara de farinha de amêndoas ou de aveia
1 colher de sopa de melado de cana
2 colheres de sopa de óleo de coco extra virgem (pastoso)
Se necessário água para dar liga

Modo de preparo:
Em um bowl, misture todos os ingredientes até que a massa fique homogênea. Acomode nas forminhas e leve ao forno 180c por 25 minutos.
Retire da forminha e deixe resfriar.

Ingredientes recheio:
100g de snack de maçã desidratada ou 1 maçã inteira em lascas
1 banana amassada
2 colheres de melado de cana
1 xícara de leite de coco caseiro
Suco de 1/2 limão
Canela em pó

Modo de preparo:
Coloque todos os ingredientes em uma panela, fogo baixo e deixe engrossar e apurar o sabor. Recheie as tortinhas

Ingredientes doce de leite:
1 receita de leite condensado
2 colheres de sopa de açúcar de coco
Suco de 1/2 limão
1 pitada de bicarbonato de sódio

Modo de preparo:
Misture o doce de leite com o açúcar de coco, o limão e o bicarbonato em uma panela, fogo baixo, até desgrudar do fundo. Coloque colheradas nas tortinhas.

Rende 4 porções

Leia mais
EmpreendedorismoGastronomia

Starup cria app que oferece descontos em comidas e bebidas para colaboradores de empresas

Logo Colorido

Tendo em vista o grande número de pessoas que se alimentam fora por ocasião do trabalho, nasceu o Barpass Corporate, por meio do qual o benefício é contratado diretamente pelo RH das empresas e estendido aos seus colaboradores.

De acordo com dados do IBGE, a alimentação fora do lar é bastante significativa no último ano, e representa a terceira despesa que mais pesa no orçamento familiar no país. 

Pensando nisso o Barpass, startup criada por Felipe Ribeiro, engenheiro de produção formado pela FAAP (Faculdade Armando Alvares Penteado) criou o Barpass, um clube de benefícios que proporciona descontos mínimos de 10% em estabelecimentos parceiros, como restaurantes, lanchonetes, bares, hamburguerias, entre outros. 

A grande vantagem é que o aplicativo de descontos não atende somente os estabelecimentos ao redor da empresa, mas está presente em todas as regiões e em diversos horários. 

Por enquanto apenas na capital paulista, pois enquanto os estabelecimentos parceiros estiverem abertos, os descontos serão aplicados. Por isso, o benefício que o RH disponibiliza aos seus colaboradores extrapolam o ambiente corporativo, podendo ser utilizado à noite e aos finais de semana.

O benefício final percebido é o desconto mínimo de 10% e o potencial de economia ou aumento do poder de compra dos associados. “No caso específico do Barpass Corporate, entendemos que ele contribui para que as empresas possam justamente incrementar o poder de compra de seus colaboradores” Explica Felipe.

O custo é por headcount e varia de acordo com a quantidade de funcionários que a empresa tem. Em termos práticos, não estamos falando de um aumento exclusivamente do vale-refeição, mas podendo ser ainda maior que isso caso os profissionais usem com assiduidade.

O público que o app atende são empresas que efetivamente valorizam e investem em seus colaboradores, buscando soluções que auxiliem na melhorar da qualidade de vida, se enquadra em uma dessas soluções.

Hoje atuante na cidade de São Paulo, mas com projeto de expansão para a Grande São Paulo e com requisições de cidades relevantes do interior de São Paulo. Tendo dois modelos, um onde a própria empresa subsidia o colaborador, onde o valor por headcount é significativamente reduzido, e outro onde a empresa disponibiliza o benefício, sem subsidiar o colaborador, mas a Barpass aplica um desconto por convênio que reduziria o valor da mensalidade para R$9,90.

Em qualquer um dos cenários, a empresa se conveniando, a Barpass disponibiliza o benefício por 3 meses para avaliação, sem qualquer custo para a empresa ou para o colaborador.


Leia mais
Gastronomia

3 receitas de drinks para curtir o Carnaval

maracuja-tropical-1

Bartender cadastrado no GetNinjas ensina a fazer bebidas práticas e refrescantes que ajudam no “esquenta” antes do bloquinho

Ah, o Carnaval! Uma das festividades mais esperadas do ano une glitter, fantasias e muita alegria. Em um contexto tão festivo, drinks são essenciais. Pensando nisso, o bartender Flávio Felix dos Santos, que atende pelo GetNinjas, maior aplicativo de contratação de serviços da América Latina, preparou três receitas práticas para animar os dias de folia. Confira abaixo quais são elas:

Caipijuru: 

Ingredientes
Vinho branco com alto teor alcoólico, semelhante à pinga
Limão
Açúcar
Gelo

Modo de preparo
Encha um copo com gelo, acrescente o limão espremido, coloque o açúcar a gosto e complete o copo com o vinho branco. Misture com uma colher.

Juruaba: 

Ingredientes
Vinho branco com alto teor alcoólico, semelhante à pinga
Bebida à base de Catuaba
Gelo

Modo de preparo
Encha um copo com gelo. Em seguida, complete o copo com medidas de iguais de Jurupinga e Catuaba. Misture com uma colher.

Céu Azul: 

Ingredientes
Licor curaçau blue
Vodka
Refrigerante de limão
Gelo
Modo de preparo
Encha um copo com gelo. Acrescente uma dose de vodka, em seguida uma dose igual de licor curaçau blue e complete o copo com refrigerante de limão. Misture com uma colher.

Leia mais
Gastronomia

Vem aí, cookie vegano!

WhatsApp-Image-2020-01-31-at-12.26.50

Cookielab abraça aqueles que buscam uma alimentação livre de derivados animais com lançamento em fevereiro

Uma novidade deliciosa está chegando para a alegrar os veganos e todos que são apaixonados por sabor. Quem já sentiu a força de um abraço carinhoso sabe o quanto faz bem e com o desejo de proporcionar essa sensação ao público veggie através do paladar, a Cookielab criou uma receita livre de lacticínios, ovos e qualquer outro ingrediente de origem animal.

A novidade vem no sabor chocolate, feito com gorduras vegetais, chocolate amargo vegano e cacau 100%. Uma deliciosa opção para quem vem buscando uma alimentação mais consciente, saudável e sustentável.

 “A alimentação vegana nos mostra que não é apenas mais uma moda passageira. Ela veio para ficar. É um estilo de vida que cada vez mais conquista pessoas pelo mundo e nós estamos nos dedicando para entregar a melhor experiência de sabor e doces possibilidades para esse público”, afirma Patrícia Santos, sócia-fundadora da Cookielab.

Sobre a Cookielab

A Cookielab foi criada em 2017 com o propósito de despertar emoções e reunir pessoas em volta de um cookie, feito com doçura, leveza, afeto e muito chocolate belga.

O doce, que respeita a clássica receita de cookie americano, crocante por fora e macio por dentro, conquistou o paladar de diversas famosas, entre elas: Hugo Gloss, Larissa Manoela, Maisa, Bruna Gomes, Luiza Possi, Andréa Nóbrega e Isabella Fiorentino.

O principal diferencial do produto está na produção artesanal com ingredientes de alta qualidade, cuidadosamente selecionados, presente em mais de 25 estabelecimentos, como Emporium São Paulo, St. Marche, Casa Santa Luzia, Empório Santa Rita e Hirota Food Express.

Leia mais
Gastronomia

Dicas de sucos saborosos para se refrescar no verão e seus benefícios para a saúde

9hRGNxkzN6InYu02bj5SZmlGb0lGQvRnbl1Wak5WZ0FmO3YTMxQDOzMTNyozZlBnauc3bsRTM4ADMwUDZiRTNyMDO2kDZ0MDOkdTZhBDO5QzMmJzNGJTJmJzNGJTJ2QDMyYkMlkTNxMTMf1SNx0yXt92YuIHct1SaGJTJGJTJBNTJwRHdopTN

Verão é a época certa para testar sabores refrescantes e driblar o calor intenso. As altas temperaturas, típicas da estação, exigem atenção redobrada com a quantidade de líquidos ingeridos. O baixo consumo pode levar à desidratação, sintoma recorrente neste período. Ricos em vitaminas e minerais, os sucos funcionais são excelentes opções para repor o líquido ao organismo e se manter hidratado constantemente.

Pensando nisso, nutricionista do Comitê Umami, Graciela Vargas, selecionou três dicas de sucos com ingredientes umami – quinto gosto do paladar humano, ao lado do doce, salgado, azedo e amargo -, para se deliciar enquanto o calor não dá uma trégua.

Suco de Cenoura

Esta é a opção certa para quem deseja manter o bronzeado em dia. Isso porque a cenoura proporciona maior produção de melanina devido às vitaminas C, B2, B3 e betacaroteno – substância antioxidante precursora de vitamina A, que confere a famosa cor do verão. “Além disso, o vegetal é um alimento umami, gosto que tem como característica o prolongamento do sabor na boca. Quem quiser, pode acrescentar laranja, gengibre ou limão ao suco”, destaca a nutricionista.

Suco de Tomate

Outro ingrediente clássico que confere o gosto umami, o tomate é uma excelente alternativa para a preparação de sucos. Por possuir grande quantidade de água, é ótimo para repor líquidos no organismo. “Este fruto é fonte de licopeno, um pigmento antioxidante que pode prevenir a degeneração das células. É interessante cozinhar um pouco o tomate antes de fazer o suco para que ele fique mais apetitoso. Talo de salsão e umas gotas de molho de pimenta também ficam ótimos no suco de tomate”, aconselha Graciela.

Suco de Milho

Além de uma opção deliciosa e leve, o suco de milho é extremamente saudável. “O milho é um alimento que auxilia na melhoria do trânsito intestinal, contribui para a redução de colesterol, fortalece o sistema imunológico e é rico em carboidrato. Sem contar a alta concentração do gosto umami. Uma dica para deixar o suco ainda mais saboroso é acrescentar água de coco à mistura”, destaca a especialista.

Leia mais
Gastronomia

Yakisoba Panda: Conheça o delivery que faz sucesso entre os amantes dessa delícia oriental

Yakisoba1-1-

Marca já opera em sete unidades para pedidos por aplicativos de comida

Os aplicativos estão cada vez mais presentes no dia a dia das pessoas. Pedir comida delivery já é um hábito comum do brasileiro, uma tendência que não para de crescer no País.

O Yakisoba Panda tem ganhado a preferência entre os amantes da culinária oriental. A marca faz parte da Cloud Foods, empresa criada em 2019 pelo empresário Raphael Bonzanini, que identificou essa tendência no perfil do consumidor e apostou no conceito Dark Kitchen, em que diversas marcas e especialidades compartilham do mesmo lugar para produção das refeições para encomendas exclusivamente por aplicativos de comida.

Além do Yakisoba Tradicional (macarrão especial, vegetais sempre fresquinhos, carne e frango puxados no tacho chinês cobertos com o exclusivo molho secreto Yakisoba Panda de dar água na boca!); os destaques ficam por conta do Dragon Balls Soba (pedaços de frango empanados salteados no Molho dos Dragões agridoce, finalizados com cebolinha picadinha, sobre o macarrão especial, vegetais fresquinhos puxados no tradicional tacho chinês) e do Yakisoba de Carne com Brócolis (carne e brócolis fresquinhos envoltos no molho exclusivo e secreto Meiwei sobre nosso macarrão especial).

Shimeji Soba (farta porção de shimeji fresco com tomates e pepinos em cubos, tudo salteado no molho com shoyu e outros ingredientes secretos sobre o nosso macarrão especial) é uma boa pedida para clientes que não consomem carne. Conquista até o paladar dos carnívoros!

O cardápio inclui, também, o Tonkatsu Soba (Suculento filé de peito de frango empanado com farinha oriental crocante coberto com molho especial, cebolinha picada, tudo sobre
o macarrão especial, vegetais fresquinhos puxados no tradicional tacho chinês) e o Yakisoba Xadrez (Cubos de peito de frango marinados, acompanhados de pimentões, cebolas frescas e amendoim crocante envoltos no delicioso Molho Especial Xadrez, sobre nosso macarrão especial).

Entre as opções para acompanhamentos, estão o Guiozá (recheio de vegetais e carne bovina envolto em uma fina e leve massa cozidos no vapor, em seguida grelhados); Porção de Dragon Balls (porção do famoso Dragon Balls. Pedaços de frango empanados salteados no Molho dos Dragões agridoce, finalizados com cebolinha picadinha) e os tradicionais Rolinho de Queijo e Rolinho Primavera.

E, para finalizar, as sugestões para sobremesa são: Rolinho de Chocolate com Banana e Rolinho Romeu e Julieta.

Atualmente a marca está presente nos principais aplicativos de entrega como iFood, Rappi e Uber Eats e conta com 7 unidades disponíveis no Brooklin, Ipiranga, Jabaquara, Vila Madalena, Itaim Bibi, Guarulhos e Ribeirão Preto. 

Leia mais
Gastronomia

Veja como comer bem para curtir o Carnaval com energia e bem-estar

alimentacao-correta-no-carnaval-aumenta-a-energia-e-dribla-efeitos-do-alcool

Nutricionista parceira da Fit Food dá dicas de alimentação para aproveitar a folia até o fim

Carnaval já está aí. É hora de colocar a fantasia na rua, dançar, pular e se divertir. E haja energia para dar conta dos quatro ou mais dias que a festa promete! O foco na diversão é tanto, que se costuma esquecer sobre a qualidade da comida e da hidratação do corpo. Duas coisas fundamentais para manter-se disposto até o fim da festa. Por isso, a nutricionista Valentina Slaviero, parceira da Fit Food, lista algumas dicas de alimentação para aproveitar a folia até o fim. Confira:

1) Hidratar-se: água é um dos principais nutrientes para o corpo. A garrafinha de água fresca é tão indispensável quanto os brilhos, paetês e plumas das fantasias. Se for consumir álcool intercale com doses generosas de água. Se possível, beba com moderação, já que o álcool é um dos principais fatores que causam inchaço, desidratação e pressão alterada, reações do corpo que se agravam ainda mais com o calor.

2) Faça uma refeição completa: como uma escola de samba e suas alas coloridas, combine os principais macronutrientes: proteínas (ovos, peixe, frango e tofu), boas gorduras (azeite de oliva, óleo de coco, pasta de amendoim, coco seco, abacate, castanhas e sementes) e carboidratos (frutas frescas e secas, grãos como aveia, arroz, quinoa, lentilha e grão de bico, e raízes como batata-doce ou mandioca); se possível inclua vegetais, do suco verde à uma salada para acompanhar; evite frituras e alimentos que não estão presentes no seu dia a dia para não lidar com desconfortos no meio da festa.

3) Carregue snacks: assim como a bateria deixa os foliões com o astral lá em cima, os lanchinhos são fundamentais para manter a energia e evitar comer qualquer coisa, quando a fome ou cansaço chegar. Aproveite as embalagens de snacks individuais ou crie pequenas porções com sacos descartáveis. Boas pedidas são snacks de grãos e castanhas, que oferecem saciedade e são fáceis de consumir na rua; além de chips de grãos e vegetais, e frutas secas, como coco, banana e abacaxi, por exemplo.

Leia mais
FitnessGastronomia

NUTRICIONISTA LISTA OS 5 PRINCIPAIS ERROS COMETIDOS POR QUEM QUER EMAGRECER

4.Escolhas alimentares saudaveis

“É errando que se aprende”, mas nem sempre o ditado se aplica para quem quer emagrecer, já que as pessoas continuam repetindo erros comuns, fazendo da perda de peso algo quase inatingível. A nutricionista Ivana Cobe, do 5S Estilo de Vida Saudável, conta quais são as falhas mais comuns cometidas pelas pessoas ao tentarem perder peso

Normalmente, quem quer emagrecer busca por um resultando rápido e eficaz. Para isso, tendem a tomar atitudes radicais e fazer dietas extremas que até podem proporcionar perda de peso na balança, mas não significa que seja de forma saudável e sustentável.

A nutricionista Ivana Cobe, do 5S Estilo de Vida Saudável, selecionou alguns dos principais erros cometidos durante o processo de emagrecimento e maneiras de evitá-los. Confira:

1 – Pular refeições
Não realizar uma refeição pensando que irá emagrecer por comer menos é um dos principais erros que as pessoas cometem. “Quando passa longos períodos sem se alimentar, o organismo utiliza proteínas do músculo, fazendo com que aconteça a perda de massa magra no lugar da gordura. Além disso, se a pessoa inicia uma refeição com muita fome, a tendência é que ela acabe exagerando nas quantidades.” A nutricionista ainda ressalta sobre a diferença de pular refeições e de fazer o jejum intermitente. “Quando planejado e programado, o jejum intermitente é benéfico para a perda de peso, o que não acontece quando a pessoa resolve pular refeições, se alimentando em horários desregrados e beliscando petiscos entre as principais ceias quando sente fome, por exemplo”.

2 – Comer rápido
Quando a pessoa come muito rápido, ela acaba por comer mais para se satisfazer, tendo em vista que o cérebro demora cerca de 15 minutos para processar a ingestão de alimentos e proporcionar saciedade. “Por isso, é necessário criar o hábito de ingerir devagar. Uma dica para começar é contar as mastigações, de 30 a 50 vezes, e evitar distrações durante a alimentação. Isso fará com que o cérebro compreenda esse novo ritmo de ingestão de alimentos e, com o tempo, essa prática se tornará automática”.

3 – Restringir a alimentação
Fuja das dietas que retiram um tipo de alimento ou que possuem calorias vazias. “Dietas como: da sopa, maçã, da proteína, entre outras, devem ser evitadas ou acompanhadas por um profissional da área da saúde específico para não causar déficit de nutrientes no organismo”. O segredo para o emagrecimento sustentável é a reeducação alimentar e isso só é possível através de uma alimentação balanceada e completa.

4 – Exagerar nos finais de semana
“Comer direito em todos os dias da semana para poder exagerar no final de semana é um dos piores erros que alguém pode cometer se quiser emagrecer pois, de uma forma ou outra, a pessoa irá ingerir todas as calorias que estava evitando”. O segredo é manter uma rotina diária saudável em todos os momentos. Se acontecer algum exagero, a dica é compensar no dia seguinte com um cardápio mais leve, porém essa atitude não pode ser recorrente.

5 – Não contar com a ajuda de profissionais
Emagrecer sozinho é possível, mas o processo será muito mais eficaz com a ajuda de profissionais especialistas em emagrecimento. “Isso porque as pessoas tendem a pegar dietas prontas ou seguir dicas da internet, mas cada corpo é único e deve ser tratado com exclusividade. Portanto, o acompanhamento de nutricionistas, coach e até psicólogos é essencial para garantir um emagrecimento saudável e sustentável”, finaliza a nutricionista.

Leia mais
GastronomiaIt Moms

5 dicas para estimular as crianças à uma boa alimentação

criancas-comendo-alimentos-saudaveis

Situações simples do dia a dia podem ser aproveitadas para a educação alimentar

São Paulo, novembro de 2019 – Muitos pais encontram dificuldades em fazer com que os filhos entendam porque ele precisa comer alguns alimentos nutritivos que não agradam tanto ao paladar dos pequenos. Principalmente quando eles vão à cantina da escola, onde existem milhares de opções de lanchinhos ultraprocessados. A educação alimentar começa desde cedo e é essencial para que eles cresçam fortes e saudáveis!

Mas o que eles podem fazer para estimular a curiosidade das crianças para os alimentos certos e confiarem nas escolhas que farão para o seu futuro? Confira abaixo, cinco dicas do que e como fazer com Débora Sasdelli, nutricionista da Nutrebem, fintech de conta digital para cantinas escolares com acompanhamento profissional.

Vamos às compras!

A primeira e melhor forma de começar o incentivo é despertando o interesse das crianças pelos alimentos durante a compra de supermercado ou feira. Mostrar as formas, cores, texturas e “sonhar” com a preparação daquele alimento juntos, instiga os pequenos em todos os pontos de seu desenvolvimento infantil.

Mãos na massa!

Cozinhar com os filhos é a melhor maneira de estimulá-los e cultivar bons hábitos, fazendo com que conheçam os alimentos e sintam o prazer do momento ao lado dos pais, criando também uma memória afetiva.

Hora de comer!

O momento de montar o prato é o ideal para despertar o interesse das crianças pelo mundo de cores e texturas, principalmente de verduras, legumes e frutas. É importante também estimular a percepção da própria criança em relação ao quanto ela vai comer de acordo com a fome daquele dia, daquele momento. Para que a criança saiba se guiar do quanto ela precisa naquele momento, de qual a quantidade ideal pra ela naquela refeição, sabendo trabalhar e respeitar a saciedade.

Tira a mesa, põe a mesa!

Esse ritual é constante na vida de um adulto e por isso mesmo é importante ensinar aos filhos que ele também faz parte da refeição ideal, com o local limpo e se preparando para uma deliciosa refeição em família.

Conversar com a cantina!

A melhor forma de checar o que seus filhos estão comendo na escola, é através de aplicativos que mostram o valor nutricional dos itens da cantina e assim conversar com a escola sobre o cardápio oferecido – se não for do seu agrado. É possível também personalizar o cardápio conforme a necessidade, possibilitando assim uma conversa maior entre pais e filhos.

Sobre a Nutrebem

A Nutrebem é uma conta digital com acompanhamento nutricional para cantinas escolares. O objetivo da empresa é dar mais segurança aos pais cuidando do dinheiro e da alimentação das crianças durante as primeiras escolhas feitas sem a presença de adultos. Startup recebeu novo aporte de R$ 5 milhões no início desse ano e prevê crescimento de 10% alcançando mais de 200 escolas particulares atendidas em 2019.

Leia mais
1 2 3 15
Page 1 of 15